Pesquisas

Coelho Áries: características, nutrição e criação


Parece um desenho animado sobre coelho carneiro, com suas duas orelhas caídas ao longo do focinho. É um coelho muito especial e facilmente reconhecível, até em francês tem um nome próprio e que corresponde ao italiano: Bélier que significa carneiro. Pode ter origem na França, segundo alguns especialistas, mas outros acreditam que venha de alguns coelhos de Flandres. Vamos descobrir suas características e peculiaridades.

Coelho Carneiro: características

Os ouvidos do coelho carneiro não são imediatamente tão flácidos, mas caem lentamente com o crescimento, emoldurando o que já é uma cabeça volumosa e larga. Na idade adulta, esses animais chegam a pesar 7 quilos e geralmente não chegam aos 5 quilos, muitas vezes as fêmeas são as menores, também reconhecível pelo fato de possuírem barbela, ausente nos machos.

O cabelo pode ser de várias cores, eueu castanho e branco são os mais frequentes, mas também há cinza.

Coelho Carneiro: variedades

Existem muitos tipos de carneiro, muitos são semelhantes, mas alguns são bem reconhecíveis, muitas vezes depende do país em que foram criados. Por exemplo, encontramos o francês, decididamente grande e com orelhas muito grandes, enquanto o holandês é muito pequeno: não pesa mais de 2 quilos! Um pouco maior é o alemão, enquanto o inglês pode ser reconhecido pelas orelhas que podem medir até 55 a 64 centímetros, definitivamente desproporcionais ao corpo. o Coelho Cashmere Lop é especial por causa de seu cabelo macio e longo, enquanto o Lion Head Lop pela quantidade de cabelo.

Coelho Áries: alimentação

Se estamos criando um coelho desta raça, devemos ter muito cuidado para não o torne muito gordo porque tende a comer fora de controle. Portanto, vamos manter nossa dose diária de comida sem quebrar as regras, deixe-o fazer pelo menos duas porções ao dia para que ele faça uma boa digestão e nunca lhe falte água limpa e fresca o dia todo.

Coelho de Áries: personagem

Nosso coelho carneiro é definitivamente um dos os coelhos mais silenciosos e mais doces que existem. É perfeito se você quer mantê-lo em casa, ele adora ambientes domésticos onde pode ser tranquilo e aconchegante, mimado. Ele nem sempre se dá bem com os outros animais que podem estar na casa, ele sempre precisa de muita tranquilidade.

Coelho Áries: saúde

A média de vida deste animal é de cerca de 10 anos, o importante é que a alimentação seja saudável e regular e que as visitas ao veterinário sejam regulares, incluindo todas as vacinas necessárias. Ficamos sempre de olho nele para que não contraia nenhuma doença. Mesmo se viver dentro de casa, ainda pode ser infectado e entrar em contato com vírus e bactérias. Entre os inimigos do coelho carneiro existem coccídios e ácaros. Os coccídios causam coccidiose, estes parasitas são transmitidos muito facilmente através de fezes infectadas e causam diarreias muito fortes e um quadro de desidratação por isso é necessário intervir imediatamente, correndo ao veterinário.

Os ácaros, por outro lado, causam sarna, aderem diretamente à pele do coelho e criam vários problemas.
Outros problemas de saúde que o coelho carneiro pode ter são os seguintes. Urina vermelha, associada a deficiências de nutrientes na dieta ou a uma infecção. Lá pneumonia, frequente em períodos de frio ou se houver muitas correntes frias e repentinas na casa. Calos nas patas traseiras, quando se trata de um coelho muito preguiçoso que fica muito tempo na gaiola e tende à obesidade. Um crescimento anormal dos dentes também pode ocorrer se não tivermos planejado dar ao animal algo para morder para lixar os dentes.

Coelho Carneiro: criação

Quando levamos um coelho desta raça para dentro de casa, devemos tentar recebê-lo da melhor maneira possível, por exemplo, preparando um para ele gaiola aconchegante e grande o suficiente para jogar dentro. Não é certo que ele possa vagar livremente pela casa - é perigoso - então ele também deve ser capaz de se exercitar em seu próprio "quarto" para ser mobiliado com serragem para absorver bem a urina. Também são úteis alguns objetos para roer que, como já dissemos, evitam o crescimento anormal dos dentes. Também inevitável a tigela de comida e a garrafa de bebida.

A gaiola deve ser colocada em um local onde não haja correntes ou mudanças de temperatura, e não muitas idas e vindas que possam incomodar nosso coelho. Não vamos esquecer sobre cuidar dele, alimentando-o, mas também penteando-o frequentemente para evitar o acúmulo de cabelo morto, torções e nós no cabelo. Não há necessidade de dar banho porque como os gatos se lambe, mas se as unhas crescem muito é preciso levá-lo ao veterinário.

Se você gostou desse artigo continue me seguindo também no Twitter, Facebook e Instagram


Vídeo: Fenicafé 2018 - Irrigação na cultura do café: 20 anos de Simpósio de Pesquisa. (Dezembro 2021).